OS BENEFÍCIOS DA HARMONIZAÇÃO

O cumprimento de diferentes normas pode ser caro, desacelerar o lançamento do produto, resultar em ensaios redundantes e, se as exigências forem mutuamente exclusivas ou conflitantes, poderá exigir a fabricação de diferentes modelos de produto. Por outro lado, exigências ou diretrizes que incluem diferentes normas que se aplicam às mesmas indústrias, dispositivos ou iniciativas (como o consumo eficiente de energia) muitas vezes se sobrepõem.

A finalidade da harmonização é encontrar essas semelhanças, identificar exigências nacionais críticas que precisam ser mantidas e oferecer uma norma comum. Para as empresas, a harmonização diminui os custos de conformidade e simplifica o processo de cumprimento das exigências. Também reduz a complexidade para as pessoas encarregadas dos ensaios e auditorias do cumprimento das normas.

A UL apoia a harmonização para minimizar normas redundantes ou conflitantes nos locais em que existe suporte para essa harmonização.

Dois tipos principais de harmonização ocorrem na UL: harmonização internacional e harmonização regional.


HARMONIZAÇÃO INTERNACIONAL

Normalmente, a harmonização internacional envolve a adoção de uma norma internacional, como uma publicada pela IEC (Comissão Eletrotécnica Internacional) ou pela ISO (Organização Internacional de Normalização). A harmonização internacional também pode implicar na promoção de conceitos de Normas da UL para as normas IEC e ISO novas ou vigentes. Quando o suporte para a harmonização de uma norma é alcançado, então é desenvolvida uma Norma da UL com base na IEC/ISO, com diferenças nacionais apropriadas. A UL enfatiza a manutenção mínima de diferenças nacionais incorporadas em uma Norma da UL com base na IEC/ISO.

HARMONIZAÇÃO REGIONAL

A harmonização regional envolve a colaboração e a copublicação de normas comuns pela UL e uma ou mais organizações nacionais de desenvolvimento de normas. A UL tem contratos de copublicação com diversas Organizações de Desenvolvimento de Normas (SDO, da sigla em inglês) para desenvolver normas comuns. A UL desenvolveu procedimentos e ferramentas para auxiliar o desenvolvimento de projetos harmonizados.

UL E A HARMONIZAÇÃO

A UL prefere trabalhar em parceria com indústrias para harmonizar as normas. A harmonização internacional permanece um aspecto importante do desenvolvimento de Normas da UL. Já que a harmonização se mostrou uma opção viável, a UL continuará a dar suporte à harmonização internacional e a UL continuará a identificar formas para minimizar diferenças nacionais nas Normas da UL com base em IEC publicadas atualmente. Além disso, a UL continuará a encorajar a participação de partes interessadas, em todo o mundo, no processo de harmonização e no desenvolvimento das Normas da UL. Ao incluir diversas visões sobre o Painel técnico das Normas da UL, o resultado será um conjunto mais globalmente aceito de requerimentos que fazem um mundo mais seguro e sustentável para todos.

RECURSOS PARA A UL/CSA/ANCE


FILIAÇÕES

A UL é membro do Conselho para Harmonização das Normas Eletrotécnicas das Nações das Américas (CANENA, na sigla em inglês). Para obter mais informações, clique em CANENA.

RECURSOS PARA A UL/ULC


MODELOS E INSTRUÇÕES

Modelo UL para MS Word e Instruções do usuário — Como uma Organização de Desenvolvimento de Normas, a UL está continuamente procurando por maneiras de reduzir o tempo de processamento para preparar documentos do início até a publicação. A UL desenvolveu um modelo para o Word, projetado em torno do formado de harmonização aceito. Quando este modelo para o Word é usado, a UL pode converter estes documentos do Word para SGML — linguagem de publicação da UL —, resultando em uma redução no tempo necessário para converter um projeto do THC (Comitê Técnico de Harmonização) em um boletim contendo as propostas do THC e em um processo mais rápido de materiais de Normas.